Esconderijo: Uma websérie brasileira e LGBT

Esconderijo websérie brasileira
Esconderijo

“Esconderijo é uma websérie brasileira. Em linhas gerais, uma história sobre mulheres, encontros, despedidas e reencontros.

Passado, presente, razão, saudade, mágoa, raiva, amor… Vida. Uma reflexão sobre o Esconderijo de cada um. A “razão” como uma questão de ponto de vista. ”

É assim que “Esconderijo” se descreve. A websérie conta a história de Malu e Raquel. As meninas que se conheceram ainda bem jovens, tiveram uma história de amor interrompida por suas escolhas. Enquanto uma sonhava em casar, a outra, preferiu conhecer o mundo.

Após oito anos da separação traumática, as meninas se reencontram. Raquel, que passou todo esse tempo no exterior, está de volta com o mesmo amor de antes. E, Malu, seguiu sua vida. Casou-se, amou de novo, separou e atualmente mora sozinha, em Paquetá, um bairro pacato do Rio de Janeiro.

O reencontro reacende diversos sentimentos que não são fáceis de lidar. Além do amor, mágoas e questões que não foram resolvidas como deveriam. Para complicar um pouquinho mais, ainda existe a recém ex-mulher de Malu: Patrícia. Separa há poucos meses, Malu garante que Patrícia é a mulher de sua vida.

A primeira temporada da websérie é voltada para este reencontro e todas as questões provocadas por ele. São oito episódios curtos, mas bem envolventes. A produção totalmente independente é simples, mas com um roteiro bem feito. A narrativa é fluida e fácil de acompanhar.

Malu e Raquel de Esconderijo
Malu e Raquel

A série não guarda nenhum grande segredo e não caminha para uma grande revelação. É somente uma história sobre um reencontro cheio de sentimentos conturbados. Duas pessoas que sentem algo uma pela outra, tentando descobrir o que de fato é este sentimento e onde tudo isso vai dar.

A frase “Cada um se esconde no espaço que cabe” será o fio condutor para a segunda temporada. Como gancho, mais uma despedida: Raquel decide ir embora e não conta a Malu que voltou a morar no Rio de Janeiro. Um pouco depois a campainha toca. Será Raquel?

Tudo isso será visto só na segunda leva de episódios da websérie. A previsão para lançamento é até junho de 2018.

O que eu mais gostei em “Esconderijo” é que ele mostra o relacionamento das meninas do ponto de vista delas. É somente o que elas sentem, cada uma respondendo pelos seus atos, escolhas e sentimentos.

As relações lésbicas possuem poucos filmes e séries que retratem somente o amor entre mulheres. Sempre tem problema ou drama relacionado à família ou sociedade em geral. Esconderijo mostra as adversidades e trata o amor como o que realmente é: normal. Com problemas, com mágoas, desejo, paixão….

Apesar de não conhecermos a fundo as personagens, nem individualmente e nem como casal, percebemos o sentimento que as envolve e as complexidades da relação. COMO QUALQUER OUTRA. Seja uma relação heteronormativa ou homoafetiva.

Ficou curioso? Dá uma olhadinha no trailer da 1ª temporada

Anúncios

Um comentário sobre “Esconderijo: Uma websérie brasileira e LGBT

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s